Paulo Lima - O meu final de semana

Boaaa dia!
Boaaa tarde!!
Boaaa noite!!! 

Hoje eu acordei um pouco sem inspiração para escrever um poema, por esse motivo vou assassinar a escrita brasileira e criar um breve resumo de um final de semana bastante louco de um simples POETA FRUSTRADO.
Meu sábado já começou bem, sem nada e nem ninguém para me atormentar (Exceto os quarenta cachorros de rua que minha vizinha cria ), acordei mais ou menos umas dez horas para tomar meu café preto, ( que sou apaixonado) e comer algumas frutas bem deliciosas. Com todo bom poeta, fui logo assistir um documentário sobre os poetas que amo muito, ( Patativa do Assaré e o saudoso Ariano Suassuna). O documentário Ave Poesia de Patativa, ele tem uma coisa que é meio "malasonbrado", por que toda vez que eu assisto, em algum lugar da terra vai haver alguém me chamando para sair, ( Eu nunca terminei, ainda estou na parte do poema  A Morte de Nana). Em meio as doze e vinte sair de casa para encontrar com a Madu, minha amiga, ( Na verdade, eu ainda estou definindo isso, não sei mesmo se meu pai pegou a mãe dela dando vacilo e deu uns pega, porque eu a amo como se fosse a minha irma, ou melhor, irmão!) além dela havia a Vanessa e a Raissa, minha irmã. Sair de casa sem muito ter o que fazer, íamos apenas dar um passeio pelo pontos turísticos de Jacobina.
Chegamos do Ceu, uma praça pública aqui da cidade, e fomos logo tirar fotos. A minha amiga-irmã Madu, cortou o cabelo igual o orifício anal de um idoso, e por esse motivo tivemos que pedir um "boné" emprestado a algum meliante que estava tentando andar de "Esqueite" ( É esqueite mesmo, porque é assim se fala!) o meliante emprestou e partimos para as fotos:

Acredito eu, que vocês saberão quem somos na foto. Assim foi a minha tarde, mas o pior estar por vir.
Combinamos todos de ir para a Caminhada da Luz, que acontece todo ano aqui na Jacolinda. Assim fomos para casa se arrumar para essa tal caminha. Todos arrumados ( Menos eu, porque rico só se arruma para festas importantes. RSRSRS) e para nossa alegria, chove na cidade. Caraaaa, nós estávamos loucos para subir o cruzeiro e gritar lá de cima, mas, não fomos. Estávamos com dinheiro e resolvemos comprar uma Catuaba, e mais dois vinhos e fomos para a casa de uma amiga esperar a chuva passar. Começamos a beber, e ouvir musica, só que agora com uma turma maior.
 (Menos a Vanessa, porque havia ido com uma roupa muito desproporcional para a religião dela. rsrs) Lá bebemos e bebemos, conversamos sobre a vida e eu depois dessa foto fiquei horrível. Gente, vocês não tem noção do que é ficar pagando vela. Cara, fiquei apenas dois litros de vinho e eu, a galera toda arranjou um esquema e saiu me deixando na espera deles. Mas eu me superei, e comecei a beber. Chegaram por volta da meia noite ( E eu nem bebi muito) procurando o que beber e só tinha um copo na garrafa de sete litros. Começaram a brincar de um jogo muito legal, que todos nós gostamos ( Eu deixei de gostar depois desse sábado) O Jogo da Garrafa. O desafio de todos era se beijar, menos o meu. ( Estou começando a achar que sou mais feio um pouco que o Caio Castro) O meu desafio era muito simples, tirar a roupa... Tirei tudo... Não acreditam? Vejam:
Minha amada mãe, disse que era para mim tomar vergonha, deveria ter dito que vergonha eu tomo toda hora, mas infelizmente não faz efeito com meus amigos. Bem, peço a todos que não olhem a quantidade de pelos existentes em meu corpo, pois é apenas uma distração para garotas..  E não acabou por ai, não! Acabamos que por conta do horário tivemos que dormir lá... 
Mano, eu não avisei a ninguém que a minha irmã e eu íamos dormir fora de casa. Não sei, apenas apaguei, sem lembrar de nada e ainda mais, com uma tatuagem no braço que não sei onde fiz e nem como fiz... 
Cheguei em casa e meus pais já estavam ligando para a policia, minha tia já estava a ponto de escrever uma matéria para o Globo Repórter, ( Aquela tia sua que gosta de ver sua dor, não sabe? Pois a minha é pior! Chamamos ela de O Gato de Dona Clotilde, para não chamar de Satanas na cara..). E assim foi o meu final de semana, muito tranquilo e sem imprevistos... 


Paulo Lima 

Comentários