Se curem!


Querem cura?
Pois curem os religiosos sem amor ao próximo,
A falta de respeito de alguns políticos,
O ódio de alguns xenofóbicos, homofóbicos e racistas.
Curem o preconceito, a falta de respeito de alguns fascistas.
Curem mesmo!
Curem o caráter dos pregadores da injustiça.
Curem o ódio, as desavenças, a falta de compaixão.
Curem de uma vez a injuria, o rancor, a corrupção.
Acabem de uma só vez
com a luxuria, com a inveja, a insatisfação...
Curem os que se acham melhores do que os outros.
As intrigas, as brigas, libertem o amor da detenção.
Curem os Juízes hipócritas.
Curem a vergonha de um país acabado.
Curem os jovens e adolescentes enraivados.
Curem os trabalhadores sofridos e escravizados.
Curem os brancos e seu ódio,
Os negros em busca de salvação,
Curem os escravos da nova era.
Curem a mente de um povo e sua nação.
Curem! Mas curem o que realmente é doença!
Frieza, ódio, rancor, desprezo...
Curem os milhões de adolescentes presos.
Me curem! Me curem da vergonha de ser brasileiro, e de nascer em um país com tamanha injustiça.
Onde a única lei seguida é desconfiar da justiça.
Por favor, me curem!
Paulo Lima

Comentários